O mundo sombrio de Sabrina
#DaYukieAssistiu,  Netflix,  Resenha de Seriados

#DaYukieAssistiu – O mundo sombrio de Sabrina

Essa é uma das séries que eu mais esperei para assistir, no alto dos meus 30 anos, assisti todos os filmes e a série (que na época era de comédia) de Sabrina – a aprendiz de feiticeira, e era (ainda sou) muito fã, então, dá para ter uma ideia do quanto estava ansiosa por essa nova versão e cheia de expectativas que não me decepcionaram.
Nessa nova versão intitulada O mundo sombrio de Sabrina (mesmo título dos quadrinhos, sim, se você não sabe, Sabrina faz parte do universo Archie Comics, o mesmo de Riverdale), diferente da versão dos anos 90 na qual encontrávamos muitas cenas de humor e mais leve, aqui veremos um lado bem dark, com cenas recheadas de satanismo (se você é meio conservador e não lida bem com esse tema, já alerto que isso é tratado de diversas formas ao longo da série) e sustos.
A série começa nos apresentando o mundo de Sabrina que está prestes a fazer 16 anos e precisa abdicar de seu lado humano e assumir por completo seu lado bruxa, para isso ela terá que assinar o livro da besta, para melhor conhecer o universo, ela passa a frequentar além de sua escola humana, a Academia de artes invisíveis, e lá passa por diversas situações que a deixam cada vez mais confusa sobre qual decisão tomar, essa questão é levada por ela ao longo dos capítulos, até que finalmente ela se decida.
A família de Sabrina, assim como antes, continua a mesma, sua tias Hilda e Zelda, e o gato Salem, que aqui diferente da versão anterior, infelizmente não fala (mas há boatos que na nova temporada ele poderá vir a falar), que na série é apresentado como um parente que Sabrina precisa escolher para ser seu protetor. Somos apresentados a um novo membro, Ambrose Spellman, primo de Sabrina e um bruxo que vive em prisão domiciliar por ter tentado explodir o Vaticano.
Também como na versão antiga o namorado de Sabrina, ainda é Harvey Kinkle, que confesso, ganhou meu coração de tão bonitinho que é.
Em meio a todo esse processo de aceitação de sua futura nova condição, muitos seres assustadores aparecem na série, inclusive a própria besta, ela também precisa esclarecer o que realmente aconteceu com seus pais e o que levou eles a morte.
Apesar de não confirmado um crossover entre Riverdale e Sabrina, as duas séries compartilham do mesmo universo, começando pelo seu criador Roberto Aguirre-Sacasa, diversas referências a Riverdale são citadas e até mesmo um personagem de lá aparece em Sabrina, então sugiro que vocês assistam as duas séries (o que já adianto não será de grande sacrifício, pois as duas são incríveis).
O mundo sombrio de Sabrina apresenta muitas cenas que além de assustadoras, podem ser perturbadoras e chocantes para alguns, deixando a série mais obscura a cada episódio, mas de coração, deem uma chance para ela, vocês não irão se arrepender, e espero que virem tão fã quanto eu sou da maravilhosa Sabrina.

Ficha técnica do seriado O Mundo Sombrio de Sabrina

Onde assistir:

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *