A Ciência da Felicidade existe sim!
Home Eventos “Professor felicidade” é convidado da Bienal para bate-papo com best-seller Haemin Sunim

“Professor felicidade” é convidado da Bienal para bate-papo com best-seller Haemin Sunim

Por Yukie
0 Comentário
Reconhecido por comprovar de forma científica os caminhos para a verdadeira felicidade e motivação, Luiz Gaziri é convidado pela 19ª edição da Bienal Internacional do Livro do Rio de Janeiro para um bate-papo ao lado do best-seller Haemin Sunim.
Importante para a vida pessoal e profissional das pessoas, Gaziri traz em seu novo livro A Ciência da Felicidade questões essenciais para a felicidade e motivação, identificadas por meio de seus estudos que incluem a leitura de mais de 1.200 artigos científicos e o encontro com muitos cientistas de Harvard, Stanford e New York University. O evento será no dia 01 de setembro, às 12 horas, no Café Literário. Depois do encontro, Luiz Gaziri segue para sessões de autógrafos no estande da Faro Editorial.
A Ciência da Felicidade existe sim!
Descubra como a ciência pode te ajudar a ser feliz HOJE!
“O sucesso acontece no futuro para quem está feliz agora”. Cuidar da motivação diária é mais que um motivo para compreender a vantagem de ser feliz neste momento. O escritor, palestrante e professor Luiz Gaziri é um defensor de que a felicidade é uma questão de “ser” e que a ciência é a chave para desvendar todos os segredos para alcançar a tão sonhada realização pessoal. Gaziri se debruçou por anos em milhares de pesquisas e artigos científicos e visitou outras dezenas de universidades espalhadas pelo mundo. O resultado está no livro A Ciência da Felicidade, publicado no Brasil pela Faro Editorial.
Os estudos trazidos pelo autor revelam que, ao contrário do que muita gente pensa, a felicidade não é o resultado de se conquistar o sucesso e, sim, uma das causas dele. A revelação está no trabalho realizado por Sonja Lyubomirsky, da Universidade da Califórnia em Riverside, Ed Diener, da Universidade de Illinois, e Laura King, da Universidade do Missouri – pesquisadores extremamente influentes na ciência da felicidade.
Esta não foi uma evidência qualquer, tratou-se de uma metanálise (um estudo dos estudos). A conclusão a que Lyubomirsky e seus colegas chegaram foi de que pessoas felizes apresentam mais chances de ter ótimas relações de amizade, excelentes relacionamentos conjugais, salários maiores, melhor desempenho no trabalho, mais criatividade, saúde, otimismo, energia e altruísmo do que aquelas que vivenciam emoções positivas com menos frequência.
Para que você reconheça quão robusta é essa relação entre felicidade e performance no ambiente de trabalho, a referida metanálise revelou que funcionários felizes são, em média, 31% mais produtivos, vendem 37% mais e são três vezes mais criativos. “Pessoas felizes também acabam conquistando salários maiores no futuro”, prevê.
0 Comentário
0

Posts Relacionados

Deixe um comentário