Home Autora Mia Sheridan [RESENHA] A Voz do Arqueiro – Signos do Amor #01 – Mia Sheridan

[RESENHA] A Voz do Arqueiro – Signos do Amor #01 – Mia Sheridan

by Yukie
[RESENHA] A Voz do Arqueiro - Signos do Amor #01 - Mia Sheridan
A Voz do Arqueiro é um livro tão maravilhoso que nem sei por onde começar a falar dele.
Só sei que quando eu cheguei no final do livro, minha mente só pensava: PORQUE DEMOREI PARA CONHECER O ARCHER?
Eu estou sinceramente muito apaixonada pelo Archer. Um homem com um coração imenso, que teve uma grande perda quando criança, além de ter perdido sua voz. Isolado do mundo e passando despercebido por todos, ele é uma pessoa solitária, mas sua vida muda completamente quando ele ajuda uma linda mulher.
Bree enfrenta um grande trauma. Depois de ter perdido seu pai de forma dolorosa e traumatizante, ela só precisa de um tempo para conseguir recomeçar. Ir para uma pequena cidade e conseguir colocar sua cabeça em ordem foi a forma que ela encontrou para tentar superar. Encontrar um emprego na pequena cidade não foi difícil, mas ela não esperava conhecer e o solitário da cidade.
Em meio às suas tentativas de se tornar amiga dele, sentimentos vão nascendo e mudanças vão ocorrendo, principalmente para Archer. Porém em meio ao romance que está nascendo, o passado ainda precisa ser esclarecido e superado.
Esse é um livro incrível. Temos superação, descobertas, mudanças, romance, erotismo e grandes aprendizados.
Conhecer Archer foi maravilhoso. Ele é um homem doce, carinhoso, inseguro, charmoso, inteligente e com um coração imenso. Sozinho, ele aprendeu a conversar por sinais depois de passar anos sem realmente “conversar” com ninguém. Ele se isolou do mundo depois que perdeu seus pais e viveu com seu tio meio paranóico e muito isolado.
Hoje ele tem problemas para se socializar e ainda teme os olhares de piedade, julgamentos ou indiferença que já sofreu.
Ter alguém para conversar, alguém que demonstra realmente querer conhecê-lo foi uma enorme mudança para ele e eu achei maravilhoso ver ele demonstrando seus medos, se abrindo para alguém e mostrando toda a sua inocência. Desejei de verdade pegar ele e cuida-lo depois de tudo o que ele viveu.
Bree é uma mulher forte, apesar de que em sua mente ela acredita que é uma covarde. Ela é uma mulher traumatizada, mas que não perdeu o carisma, determinação, a bondade e apesar dos seus medos, ela continua tentando seguir em frente.
Bree é uma das poucas mocinhas que mesmo traumatizada, foi alguém que lutou por outra pessoa. Eu adorei a forma como a autora trabalhou a personagem.
É um a história linda, que aborda temas como o bullying e linguagem de sinais, algo que achei maravilhoso e até onde me lembro o primeiro livro que li com esse tema e trabalhado de forma tão explícita.
Adorei acompanhar Archer se descobrindo, ver a superação da Bree e ainda presenciar o amor deles nascendo de forma doce.
Um livro contado em primeira pessoa, com a Bree contado a maior parte, mas oferecendo pedaços do que houve com Archer e dando poucas doses do Archer atualmente.
Não fiquei fã da capa e precisa de uma revisão final, apesar de não ter erros absurdos, mas adorei a diagramação e claro, juntando com uma escrita bem fluída e gostosa, eu fiquei apaixonada por este livro.
Aqui vemos um livro que o conteúdo vale mais que a capa. Uma história linda que me faz querer chorar e sorrir só de escrever essa resenha. Eu simplesmente estou apaixonada pelo Archer, Bree é até mesmo pela Phoebe.
Vale muito a pena conhecer esta história.
  • Capa
  • Diagramação
  • História
  • Personagem
  • Revisão
4.6

Ficha Técnica

A voz do arqueiro (Signos do Amor) por [Sheridan, Mia]Bree Prescott quer deixar para trás seu passado de sofrimentos e precisa de um lugar para recomeçar. Quando chega à pequena Pelion, no estado do Maine, ela se encanta pela cidade e decide ficar.

Logo seu caminho se cruza com o de Archer Hale, um rapaz mudo, de olhos profundos e músculos bem definidos, que se esconde atrás de uma aparência selvagem e parece invisível para todos do lugar. Intrigada pelo jovem, Bree se empenha em romper seu mundo de silêncio para descobrir quem ele é e que mistérios esconde.

Alternando o ponto de vista dos dois personagens, Mia Sheridan fala de um amor que incendeia e transforma vidas. De um lado, a história de uma mulher presa à lembrança de uma noite terrível. Do outro, a trajetória de um homem que convive silenciosamente com uma ferida profunda.

Archer pode ser a chave para a libertação de Bree e ela, a mulher que o ajudará a encontrar a própria voz. Juntos, os dois lutam para esquecer as marcas da violência e compreender muito mais do que as palavras poderiam expressar.

Número de páginas: 336 páginas
Editora: Arqueiro
Classificação Indicativa: +18

You may also like

Leave a Comment