[RESENHA] Boa Garota - Jana Aston
Home Autora Jana Aston [RESENHA] Boa Garota – Jana Aston
Boa Garota é aquela comédia romântica, com uma boa dose de erotismo para se ler depois de uma longa ressaca.
Lydia é uma boa garota. Foi escoteira por um longo período, passou pela faculdade com boas notas e virgem. Ela deseja muito perder a virgindade, mas ainda não encontrou “aquele” homem. Conhecer um lindo cara no bar, depois de um “desafio” de sua melhor amiga e ser beijada por ele foi uma experiência maravilhosa. Saber que ele é o chefe do seu chefe não é algo bom, principalmente quando ela sente uma enorme atração e tem pensamentos sujos com ele.
Depois de descobrir algumas coisas sobre ele, um plano se forma em sua mente para conseguir se aproximar dele e ter a sua primeira vez com este maravilhoso homem, porém é um plano maluco. “Leiloar” sua virgindade com a ajuda de sua melhor amiga e um “conhecido” acaba sendo a coisa mais maluca de sua vida, mas acontece e acabar tendo sentimentos por ele foi uma consequência desse plano maluco.
Rhys é um homem vivido. Ele vem de uma família rica e deseja criar seu espaço no legado da família é seu objetivo. Abrir o cassino e um hotel de luxo em Las Vegas foi a sua grande ideia, e ver que ela pode dar realmente certo, depois de tanto trabalho duro é um sonho. Conhecer e sentir-se atraído pela boa garota do bar não estava em seus planos.
Ele gosta do seu modo de viver. Pagar por uma noite e acabar, pronto. Lydia não encaixa em seu mundo. Porém, descobrir que ela está leiloando sua virgindade o deixa com sentimentos que não deseja. Pagar por ela foi maluquice. Ele não tinha tempo para isso, principalmente para os sentimentos que ela está despertando nele.
Ela é uma boa garota com objetivos. Ele é um homem focado no trabalho e nos “não-relacionamentos”. São duas pessoas opostas que se encontram e precisam lidar com a enorme atração e sentimentos que estão surgindo.
A primeira coisa que senti da Lydia foi a falta de noção. Apesar de ter sido sempre uma boa garota, gostar das regras, de ganhar distintivos das escoteiras, consertar coisas velhas e criar pijamas com lençóis velhos, ela é uma mulher, mas completamente fora da realidade. Algo que achei bem improvável em uma pessoa, principalmente alguém que está morando em Las Vegas.
Rhys é um bom homem. Meio babaca, muito desligado em determinados assuntos e isso foi algo que realmente me irritou nele. Ser esperto em muitas coisas, mas muito desligado em outras me deixou irritada sobre ele, mas não foi menos apaixonante.
Fora isso, ambos são fofos e eu com certeza adorei conhecer eles e seus amigos. Apesar de a amiga de Lydia ser tão sem noção quanto ela, ainda assim, adorei ela e morri de rir com muitas maluquices. Desejo uma história da melhor amiga de Lydia? Com certeza.
Como o livro é contado em primeira pessoa e intercala os pontos de vista, foi de grande ajuda para compreender as atitudes de ambos, principalmente as maluquices da Lydia.
O livro é bem engraçadinho, tem uma boa dose de hot e muito amor. Eu adorei passar um tempo com esse casal fofo e complicado.
A capa é bonita e combina bem com a história. A diagramação também não deixou a desejar. Porém, falta uma revisão final. Pequenos erros, nada que atrapalhe a leitura, mas estão lá e precisam ser corrigidos.
Fora isso, eu adorei o livro. A leitura flui muito bem. A escrita da autora te prende do inicio ao fim, apesar de ser um clichê, ainda assim é bem gostoso de ler.
Como eu disse, esse é um livro para ler quando está de ressaca ou precisando de um clichê para passar o tempo.
  • Capa
  • Diagramação
  • História
  • Personagens
  • Revisão
4.2

Ficha Técnica

Boa Garota por [Aston, Jana]Sempre fui uma boa garota.
Trabalho duro, sigo as regras, sempre conquisto meus objetivos.
Mas, às vezes, boas garotas querem coisas que não são boas para elas.
Ou alguém que não é bom para elas.
Tipo seu novo chefe.
E, às vezes, elas fazem coisas ruins para chamar sua atenção.
Como vender a virgindade em um leilão.
Quem diria que ele ficaria tão, tão bravo?
Talvez esse não tenha sido meu melhor plano…

Número de páginas: 235 páginas
Editora: Allbook
Classificação Indicativa: +18

0 Comentário
0

Posts Relacionados

Deixe um comentário