Home Autora Meghan Quinn [RESENHA] Escritora de Romance e… Virgem – Meghan Quinn

[RESENHA] Escritora de Romance e… Virgem – Meghan Quinn

por Yukie
Uma Escritora de Romance e… Virgem foi o meu primeiro livro da autora e posso dizer que essa mulher sabe como escrever uma comédia romântica!
Logo no início já me vi rindo com a inocência e as loucuras de Rosie. Ela, uma aspirante de escritora, deseja escrever um romance erótico, mas com a sua total falta de experiência e devido a sua educação religiosa, ela não sabe bem como “descrever” determinadas cenas.
Com amigos um pouco malucos, Delaney e Henry decidem ajuda-la e a incentivam a curtir mais a vida e deixar de lado o seu “casa, trabalho com gatos estranhos e casa de novo”. Depois de uma “mudança” estética (sério, eu ri muito neste momento do livro) e um site de relacionamentos, Rosie começa a ter encontros e são em meio a situações estranhas que aconteceram em um encontro, vemos uma Rosie se descobrindo como mulher.
Li esse livro sabendo que me renderiam muitas risadas, só não esperava me apaixonar pelo livro.
Conhecer Rosie e ver a sua excessiva inocência me fez questionar algumas coisas sobre ela, principalmente no “o quanto um ser humano pode ser inocente”, apesar de compreender um pouco o motivo dela ser assim, quando ela explica sua criação e o fato de ter estudado em casa, lendo somente os romances que sua mãe lia escondido.
Além do excesso de inocência, vi uma mulher mais azarada que eu. De verdade, eu senti algumas “vergonhas alheia” em encontros que ela tinha e em outros momentos de sua vida.
Um livro engraçado, que, como é contado em primeira pessoa e no ponto de vista de Rosie, tornou tudo melhor. Acredito que muita coisa tenha sido exagerada sim, mesmo assim me vi morrendo de rir com as loucuras e atrapalhadas delas.
E o que posso dizer de Henry? Aquele amigo que você deseja para vida e que quando se torna algo a mais, me conquista de corpo e alma. Doce, engraçado, amigo, meio maluco e o homem ideal para a doce Rosie. Eu com certeza torci por ele, apesar de tudo.
O livro é bem engraçado, mas muito mesmo e apesar de adorar a diagramação e a revisão estar boa, não fiquei fã da capa. Não gosto da original e essa também não me atraiu muito. Se não fosse pelo fato de eu saber que iria morrer de rir e receber diversas recomendações, se eu visse em uma livraria, provavelmente deixaria passar.
Fora isso, eu sou totalmente a favor de todos lerem e morrerem de rir com a Rosie como eu morri. Vale muito a pena ler esse livro!
  • Capa
  • Diagramação
  • História
  • Personagens
  • Revisão
4.5

Ficha Técnica

ALERTA: “ESCRITORA DE ROMANCE E… VIRGEM” É UMA COMÉDIA QUE VAI TE FAZER GARGALHAR COMO UMA HIENA EM PÚBLICO. LEIA NO CONFORTO DA SUA CASA. SE VOCÊ É VICIADO EM CLIFFHANGERS, SENTIR O CORAÇÃO SAINDO PELA BOCA E COMO SE UMA ESCAVADEIRA TIVESSE ACABADO DE ABRIR SEU ESTÔMAGO, ENTÃO ESTE LIVRO NÃO É PARA VOCÊ. MAS, SE GOSTA DE FAZER XIXI NA CALÇA E CHORAR DE TANTO RIR, ENTÃO, POR FAVOR, CONTINUE LENDO. Seu peito se elevava a uma velocidade alarmante conforme a mão áspera dele seguia para sua roseira macia, mas volumosa e densa… Pode falar “roseira volumosa” em um romance? E “espada carnuda”? Porque é isso que é… uma espada carnuda, certo? Toda cheia de carne e em formato de espada, abrindo os calabouços internos dos desejos sombrios de uma mulher. E quanto a peito? Ele realmente se eleva? Deus, não faço ideia do que acontece quando partes íntimas se encontram. Sou uma virgem tentando escrever um romance e não consigo criar uma cena de sexo devido à minha falta de experiência. Então, meus dois melhores amigos me encorajam a parar de tentar por enquanto e ir em busca de um pouco de prática na vida real por meio de artimanhas, como encontros às cegas, perfis on-line e saídas casuais. Mas perder a virgindade vai ser mais difícil do que eu esperava…

Número de páginas: 320 páginas
Editora: Charme
Classificação Indicativa: +16

Talvez você vá gostar...

Deixe um comentário