[RESENHA] Melhor Que a Encomenda - Lauren Blakely
Home Autora Lauren Blakely [RESENHA] Melhor Que a Encomenda – Lauren Blakely

[RESENHA] Melhor Que a Encomenda – Lauren Blakely

Por Yukie
0 Comentário
Melhor que a Encomenda é um romance clichê fofo e totalmente apaixonante!
April é uma mulher tecnicamente bem-sucedida no trabalho. Fazer o que gosta é algo que não foi bem aceito por sua família, mas ela decidiu continuar e está feliz com isso. Porém, ela tem um sério problema. Depois de algumas decepções amorosas, ela precisa levar alguém para as festividades em família ou então, terá diversos encontros indesejados. Depois que seu amigo consegue um trabalho e precisa viajar, ela acaba tendo de lidar com um namorado de aluguel.
April só não imaginava que cinco dias mudariam sua vida completamente.
Theo é um bom homem. Apesar de já ter feito coisas erradas na vida, ele tenta andar na linha, mas precisa lidar com uma dívida. Trabalhar como barman não está ajudando, então ser um “namorado de aluguel” acabou sendo uma alternativa para conseguir liquidar a dívida logo.
Theo está com problemas, mas continua lidando da melhor forma possível. Uma nova namorada de mentira irá ajuda-lo, ele só não esperava que sua vida mudasse completamente.
Em meio a uma família maluca, alguns segredos, mentiras e uma química incrível, April e Theo vão viver momentos únicos, com histórias hilárias e uma família meio pirada.
Acho válido começar falando que estou completamente apaixonada pelo Theo. Apesar do passado dele, Theo conseguiu ser um homem incrível! Ele protege quem ama e quando se apaixona, é pra valer! Além de ser um bom homem, carinhoso, inteligente e muito sagaz. Eu com certeza quero um Theo para mim.
April é o tipo de mulher que muitas gostariam de ser, em determinados momentos. Forte e independente, ela quer viver sua vida fazendo o que ama. Sair da casa dos pais e lidar com a “leve pressão” para arranjar um namorado, voltar para casa e trabalhar em outra coisa, pode ser meio difícil, mas ela está disposta a conseguir isso. Mesmo que haja a mentirinha, em todo o resto, April é uma mulher verdadeira. Carismática, amorosa e amiga, você vê que ela é alguém verdadeira com os outros e consigo mesma.
Como o livro é contado em primeira pessoa e intercala os dois pontos de vista, você consegue acompanhar a confusão de sentimentos, o amor surgindo, a atração imediata, além de se apaixonar completamente por este casal.
E claro, não posso esquecer de mencionar os bons amigos e a família maluca. A competição mais maluca ainda e a união familiar.
Escrito de forma leve e com momentos bem descontraídos, eu sinceramente, adorei essa história e nem ligo se é um clichê, a escrita da autora novamente me conquistou e me vi completamente encantada com todo o enredo.
Com uma capa muito fofa, a Faro Editorial novamente fez um trabalho incrível. Seja a diagramação, a revisão e até mesmo a qualidade do livro entregue.
Melhor que a Encomenda foi o clichê cheio de amor. A leitura fluiu tão bem que apesar do livro parecer grande, você lê tão rápido que quando vê, já terminou e deseja mais! Eu com certeza indico esse livro, principalmente para quem gosta de um bom romance, algumas cenas hot, momentos engraçados, algumas mentirinhas, alguns problemas e uma família meio pirada.
  • Capa
  • Diagramação
  • História
  • Personagens
  • Revisão
4.7

Ficha Técnica

QUAL SERIA O ÚLTIMO LUGAR PARA VOCÊ ENCONTRAR O AMOR? Depois de várias desilusões, April desiste de buscar relacionamentos e passa a focar toda a energia no trabalho, até que surge uma daquelas reuniões familiares. Ela sente-se feliz solteira… mas encarar os interrogatórios de seus pais, da irmã e de todas suas tias casamenteiras durante um fim de semana prolongado é uma ideia desesperadora. Então, ela pensa numa solução prática: contratar um acompanhante. Parece uma tarefa simples: levar um namorado que deve servir tanto para impressionar a família quanto para afastar pretendentes indesejáveis. Theo é o candidato ideal. Lindo, simpático, atencioso e o principal: depois do fim de semana, ele recebe o pagamento e cada um segue sua vida. Esse era o plano… Só que dividir momentos engraçados e inventar histórias pode ter o efeito oposto…

Número de páginas: 320 páginas
Editora: Faro Editorial
Classificação Indicativa: +18

0 Comentário
0

Posts Relacionados

Deixe um comentário