[RESENHA] Notícias Mortais - Márcio Antonio Santos da Rocha
Home Autor Márcio Antonio Santos da Rocha [RESENHA] Notícias Mortais – Márcio Antonio Santos da Rocha

[RESENHA] Notícias Mortais – Márcio Antonio Santos da Rocha

Por Ana Carolina
0 Comentário
Notícias mortais é um livro com 10 contos curtos e com narrativas repletas de tensão.

O autor nos apresenta  psicológico, tramas sangrentas, personagens misteriosos, lugares corrompidos, e em todos, o autor consegue brincar com o leitor, em uma narrativa crescente cujo desfecho é o ápice. A excitação é criada por todas as possibilidades que podemos esperar do desfecho, que quase sempre surpreende.
A chave principal de todas as histórias é a morte e o fato de que algo terrível acontecer a qualquer momento, o que deixa a trama muito mais emocionante.
Nos contos vamos encontrar suspenses psicológicos, personagens cheios de mistérios, lugares completamente danificados e tramas sanguinolentas.
A forma como todos os contos são descritos, com detalhes específicos, faz com que seja possível criarmos ranço ou simpatia pelos personagens.
O autor sabe como jogar com leitor, criando todo cenário de excitação diante de todas as possibilidades que são criadas ao longo das histórias, sem saber o que esperar do desfecho, o tornado surpreendente.
Um livro muito bem escrito, uma pena as histórias não serem mais longas, pois a leitura é feita de forma tão rápida que acabamos ficando com gostinho de quero mais.
A capa é simples, porém muito bem feita, e tem a ver com o lado sombrio dos contos, personagens e histórias muito bem construídos, não encontrei erros ortográficos, a Editora Pendragon fez um excelente trabalho. Nunca havia lido nada do autor e confesso que me surpreendi positivamente, sem sombras de dúvidas quero muito ler outros livros dele.
Recomendo a leitura!

  • Capa
  • Diagramação
  • História
  • Personagens
  • Revisão
5

Ficha Técnica

Notícias Mortais por [Santos da Rocha, Márcio Antônio]A grande, e muitas vezes única diferença entre um assassino e sua vítima é a posição na qual se encontram. Nos contos que se seguem, é possível passear pela psique humana, suas motivações e impulsos, até perceber que a solução exata não é o objetivo, mas sim suas possibilidades. Pessoas de realidades completamente distintas ganham destinos tragicamente similares. No final, não é quem você é, mas como você morre.

Número de páginas: 106 páginas
Editora: Pendragon
Classificação Indicativa: +16

0 Comentário
0

Posts Relacionados

Deixe um comentário