[RESENHA] Por Você, Cobain James - Nana Simons
Home Autora Nana Simons [RESENHA] Por Você, Cobain James – Nana Simons

[RESENHA] Por Você, Cobain James – Nana Simons

Por Yukie
0 Comentário
Por Você, Cobain James é aquele livro fofo, que me fez chorar um pouco, ensinou muito e suspirar para sempre!
Nesta história vamos conhecer Danielle, uma jovem mulher que está passando por grandes problemas financeiros afim de cuidar do seu filho e ainda manter as contas em dia, junto com sua melhor amiga, Mali. Trabalhar de dia no teatro é um sonho e uma tortura, afinal, apesar de estar próximo ao seu sonho, ela nunca conseguirá fazer o que realmente ama da forma “certa”.
Danielle é uma recepcionista que precisa lidar com um “cliente” mal-educado e totalmente grosso, mas o que ela não sabe, é que talvez este homem seja alguém que ela precisa em sua vida.
Cobain é um homem machucado. Vivendo em sua própria dor, ele vem enfrentando a vida de forma um tanto quanto reclusa. Se recusando a deixar outras pessoas entrarem em sua vida, hoje ele vive para o seu trabalho e as suas músicas. O mau-humor o acompanha para onde ele vai, mas ele não esperava acabar conhecendo uma mulher um tanto problemática e que o enfrenta verdadeiramente, não teme suas rabugentices e bate de frente com os “ataques” que ele tem.
Ambos carregam segredos, mas os dois irão, juntos, enfrentar o passado e ainda cuidar de alguém simplesmente especial demais para os dois.
A primeira coisa válida a falar sobre este livro é que a autora trabalha um tema interessante e nos apresenta uma enorme quantidade de lições. Seja por um problema físico, quanto um problema emocional.
Simplesmente amei o fato de a autora ter abordado a depressão e a esclerose múltipla. Foi um enorme aprendizado e eu sinto falta de livros que abordam temas que me desperte a vontade de pesquisar mais sobre, que me faça desejar buscar mais conhecimento. A Nana com certeza me ganhou só por trabalhar esses pontos.
Outra coisa que apreciei muito na história é a personalidade forte e destemida da Danielle. Apesar da vida ter jogado um monte de coisa sobre ela, por seu filho ela faz de tudo, enfrenta o mundo e ainda consegue sorrir para o garoto. Ela com certeza é um enorme exemplo de mãe.
O Cobain foi meio irritante, assumo. Por muitas vezes desejei dar uns tapas para ver se ele acordava, mas depois que as coisas foram explicadas, o compreendi melhor. Não justifiquei suas atitudes, mas me fez vê-lo de uma forma diferente.
Senti falta de apresentar mais o ponto de vista do Cobain? Com certeza. Teria ajudado a compreender muito melhor a personalidade e as nuances que o cercam. Gostei de trabalhar em primeira pessoa o lado da Danielle, mas faltou do Cobain também, principalmente por ele ser alguém complicado. Talvez isso teria me ajudado a criar um “laço mais forte” com o personagem.
No geral, senti que a autora precisava trabalhar mais nos personagens secundários. Ficou com algumas pontas soltas para os secundários, fora isso, amei imensamente o livro.
Todo o romance, junto com uma capa linda e uma ótima diagramação, eu li o livro em um dia. Apesar de haver a necessidade de uma revisão final. Alguns erros estão ali e apesar de não afetar a leitura, me incomodou um pouco.
Com todo o meu coração, indico esse livro. Traz grandes lições, tem romance, uma dose mínima de hot, amor seja o familiar ou os amigos e claro, uma criança totalmente fofa! Se você der uma chance a este livro, tenho certeza de que não irá se arrepender.
  • Capa
  • Diagramação
  • História
  • Personagens
  • Revisão
4.4

Ficha Técnica

Danielle precisou aprender a viver com pouco, mesmo tendo vindo do muito. Hoje sua vida se resume a tentar cuidar de sua saúde e de seu filho Cody. Ela perdeu sua fé, desistiu de seus sonhos e a única coisa que a motiva é ele. Já era difícil estar lidando com sua confusão constante, mas isso só piorou com a chegada de Cobain James. O homem de sotaque forte, olhos verdes tempestuosos e atitude bruta chegou sem que Danielle esperasse e transformou seus dias calmos em uma montanha-russa de idas e vindas em suas emoções.
Uma mulher que parou de acreditar e um homem destroçado pela vida. Duas pessoas quebradas e um processo de cura que os leva a amar.
Não há corações dançantes que percam a fome de dançar e não existem almas puras que percam sua bondade. Elas precisam apenas encontrar alguém a quem se segurar e aprender o significado de valer a pena.
Juntos, eles constroem algo que pensaram nunca poder ter outra vez, mesmo tendo a certeza que o destino poderia destruí-los novamente em um piscar de olhos.

Número de páginas: 350 páginas
Editora: 3DEA
Classificação Indicativa: +18

0 Comentário
0

Posts Relacionados

Deixe um comentário