Home #PapoComDaYukie Vamos conversar sobre “pessoas teimosas” e o meio literário?

Vamos conversar sobre “pessoas teimosas” e o meio literário?

por Yukie
Vamos conversar sobre um “perfil de personalidade” que existe em algumas pessoas e que “atrapalha” o meio literário?
Sabe aquelas pessoas que são bem “cabeça-dura”? Não aceita ideia, acha que algo novo vai dar errado, mesmo sem tentar e coisas bem… Assim? Então, esse vai ser o assunto da nossa fofoca de hoje.
Pessoas que tem dificuldade em aceitar a opinião alheia, a ideia que talvez melhore os negócios são as mais difíceis para mim. Eu sou o tipo de pessoa que pensa: Você precisa estar disposto a mudar para fazer algo crescer. Ninguém evolui estando estagnado em seu mundinho.
Outro dia estive conversando com uma amiga sobre isso e me deixou pensando. Hoje em dia, para fazer algo funcionar, você precisa estar disposto a mudar e adaptar. E penso em algumas editoras que conheço, seja grande ou pequena.
Eventos, capas de livro, site de loja, redes sociais e digo até mesmo na questão de autores, cancelamentos e estoque…. Querendo ou não, tudo precisa de mudanças e adaptações.
Você editora, acha que 50 posts por dia nas redes sociais vão te ajudar a vender? Bilhões de stories por hora vai te divulgar? Livros que deveriam estar a venda, mas não tem estoque vai te ajudar a ter dinheiro? A capa deste livro está “comercial” o suficiente para atrair um leitor ou é somente o seu gosto nele? Vale a pena pagar um pouco a mais para ter uma revisão melhor? Cancelar esta série é realmente a melhor solução? Trazer esta autora para o evento vai ser atrativo? Este tipo de parceria é realmente adequado?
Essas e diversas outras questões deveriam ser levadas em conta na hora de PLANEJAR como será o ano. É tudo uma questão de planejamento, adaptações e ACEITAR novas ideias. Sejam de leitores, blogueiros, funcionários, autores…. São eles que ajudam a editora crescer.
Talvez eu esteja errada em pensar assim? Talvez….
Porém aqui está sendo colocado o que penso. Isso não quer dizer que não estou disposta a ouvir o outro lado, a conhecer outros pensamentos.
Tudo é questão de ter um pouco mais de mente aberta, ser alguém disposto a mudar e ACEITAR para fazer as coisas funcionarem e crescer. Seja o lado pessoal quanto o profissional.

Talvez você vá gostar...

Deixe um comentário